Desde 2015, o Brasil atravessa uma das maiores crises econômicas com empresas encerrando as atividades, milhões de desempregados, juros nas alturas, consumidores freando os gastos, uma roda de prejuízos que aparentam não ter fim. Felizmente, 2017 promete que o Brasil vai conseguir tirar pelo menos um dos pés da lama, por isso, é o momento de arregaçar as mangas e aprender como promover a volta do cliente a sua loja, e são passos simples.

Os empresários que conseguiram manter-se em pé, aprenderam a ser mais cuidadosos no quesito gastos supérfluos, essa foi uma das principais saídas para não repassar o aumento dos custos de seu produto ao consumidor, senão, a debandada seria maior. Significa que aprendeu a encarar o problema somente com cautela, sem cair no pessimismo, aguardando apenas a hora de promover a volta do cliente a sua loja, isso, independente de qual seja o ramo de atividade.

Confira quais são os simples passos que podem ajudar na volta do cliente a sua loja:

  • Em meio a tantas notícias negativas que estamos vivenciando, é prudente evitar assuntos que envolvam política, pois, já é desgastante na TV, então crie hábitos de falar assuntos mais saudáveis, e interessantes sem debates, assim, o clima fica leve e agradável, fazendo o cliente se sentir e querer volta em outro momento.
  • O atendimento sempre será a alma em qualquer negócio! Nada melhor que entrar numa loja, e encontrar funcionários sorridentes e prestativos, mas, nada de exageros, lembre-se tudo que é demais tem o efeito contrário.
  • A atenção ao cliente é o ponto fundamental das vendas. Os funcionários precisam saber ouvir as necessidades do cliente, e até tirar dúvidas do produto, e ele precisa de um tempo para digerir as informações. Portanto, nada de querer empurrar o produto para cima do cliente, isso faz com que ele fique com mais medo do que vontade de comprar.
  • Todas as pessoas gostam de ser lembradas, então que tal manter um cadastro com cada cliente anotar as preferências que tem sobre tipo de mercadorias, prováveis dias da semana que costuma vir, valor do último gasto, e claro, no mês do aniversário informar que tem direito a um brinde ou desconto especial. Isso se baseia na estratégia de marketing One to One ,caso você queria saber mais sobre está ferramenta espetacular clique aqui.
  • Sem dúvida, o cliente dificilmente procurará outro lugar, já que adiantou todas as suas expectativas quanto a chegada do produto, e em casos extremos, compre do concorrente só para deixá-lo satisfeito, assim, garante a venda do próximo mês.
  • Sempre é bom ter uma carta na manga quando um potencial cliente entra na sua loja e comenta que está achando caro, já que viu em sites. E nesse momento o jogo de cintura deve ser voltado para oferecer um produto semelhante e mais barato, claro, que deve explicar que a qualidade é um pouco inferior, mesmo assim, é muito bom, mas, deve conhecer realmente, caso contrário nem ofereça.
  • O marketing em época de crise se torna o melhor amigo de qualquer empresário, afinal, marketing é praticamente a principal ferramenta que vai guiar você, mostrando a melhor maneira quando: precisar anunciar os produtos em estoque, as novidades da oficina, as promoções do momento ou de datas especiais, como se comunicar de forma mais eficiente com os clientes, melhorar atendimento, como proceder nas sazonais que geralmente significam ganhos extras, não importa qual a dificuldade da sua empresa, com certeza você pode achar a solução no marketing.
  • Em grandes empresas o  proprietário na maior parte do tempo não está presente, por isso, merece ser muito bem representado pelos funcionários que precisam antes de mais nada, ser educados, cordiais, em pequenas empresas apesar do proprietário estar na empresa em boa parte do tempo, a regra continua onde a equipe de trabalhadores precisa mostrar o valor da empresa, motivação é uma ótima maneira, de incentivar o empregado a se esforçar mais pela empresa.

Devem ser treinados para atender a expectativa de cada cliente, responder cada dúvida, e quando possível conceder algum tipo de desconto, ou vantagem, assim, a volta do cliente a sua loja fica garantida.